Em formação

Como configurar com sucesso uma caixa de procriação e filhotes de filhotes

Como configurar com sucesso uma caixa de procriação e filhotes de filhotes


Barbara Fitzgerald é Criadora de Mérito do AKC e autora da coluna "Conversas com Campeões" para a revista BCSA, Borderlines.

Ter tudo pronto para o parto uma semana antes da hora da ninhada ajudará você e sua filha a se sentirem preparados para o grande dia - ou noite, como costuma acontecer.

Essas melhores práticas são baseadas em minhas experiências pessoais como Criador de Mérito AKC. Também incluo dicas e vídeos compartilhados comigo por amigos da comunidade de criadores de cães. O uso dessas ferramentas e técnicas garantirá um parto bem-sucedido!

Selecionando sua caixa de procriação

Existem muitos planos online para construir sua própria caixa de parto. Se você optar por construir sua própria caixa de procriação, faça-a de plástico corrugado ou compensado que pode ser adquirido na Home Depot.

Qual é o melhor material para uma caixa de parto?

O plástico é fácil de limpar, esterilizar e transportar, enquanto as caixas de madeira podem ser extremamente pesadas e são mais absorventes e têm maior probabilidade de abrigar germes e esporos de parasitas de uma ninhada para a outra.

Se você optar por fazer de madeira, forre-o com piso de vinil para uma limpeza rápida.

No entanto, se você não for prático, há uma variedade de soluções para escolher:

Como fazer uma caixa de parto de uma piscina infantil de plástico:

A piscina de plástico é a favorita para quem tem fundos limitados e é minha opção pessoal. Eles são fáceis de limpar e têm áreas elevadas - geralmente em formato de peixinhos - que ajudam os filhotes a se controlar enquanto circulam pela piscina de parto. Piscinas de plástico com mais de um metro de diâmetro podem ser encontradas na Lowes ou no Walmart no verão por menos de cinco dólares.

O problema que tenho com a piscina são os cachorros subindo pelo lado da mãe e depois escapando pela borda da piscina sem querer. Portanto, preciso de uma caneta de exercício para evitar que eles acabem em algum lugar onde eu não possa alcançá-los.

O Dura-Whelp Whelping Box vs o Plaza MagnaBox

Se você está procurando uma solução profissional de ponta e está planejando futuras ninhadas, você pode querer considerar uma caixa de parto feita profissionalmente. Eles oferecem várias vantagens que falta à piscina.

  • The Dura-Whelp é feito de plástico corrugado, que é um pouco flexível e não tão durável quanto o plástico sólido da MagnaBox. Quando Dura-Whelp estava inicialmente comercializando suas caixas de parto, eles estimaram que seriam boas para gerar até 3 ninhadas, mas eu conheço muitos criadores que as usaram em mais de 15 ninhadas, então Dura-Whelp agora está comercializando-as como “duráveis . ” Os preços do filhote Dura variam de US $ 149 para o pequeno a US $ 229,00 para o extragrande. No entanto, Dura-Whelp tem muitos pequenos complementos de que você precisará, como a porta de meia altura para deixar a mãe sair e manter os filhotes dentro. Esses complementos e custos de envio aumentam o preço em aproximadamente $ 100 adicionais, dependendo do tamanho caixa que você encomenda.
  • The Plaza MagnaBox é feito para durar e resiste melhor aos dentes de cachorro do que o Dura-Whelp. No entanto, como não tem fundo, você precisará colocar almofadas de parto ou usar os tapetes de garagem com forro de borracha e carpete da Home Depot para proteger o chão. Esses tapetes de garagem custam cerca de US $ 19,00 por um tapete de 3x6 pés e são fáceis de limpar com mangueira.
  • Os preços do MagnaBox variam de US $ 399 para os pequenos a US $ 599 para os grandes, com frete grátis.
  • Ambas as caixas de parto são equipadas com "corrimãos" para evitar que a mãe esmague ou sufoque os filhotes contra a parede lateral da caixa. As piscinas não podem ser equipadas com este recurso.
  • Além disso, cada fabricante oferece caixas de expansão como acréscimos à caixa de parto. Meus amigos que adicionaram unidades de expansão me disseram que isso acelera o treinamento do filhote de cachorro. Os filhotes dormem e brincam em uma caixa, e eliminam na outra caixa, muitas vezes os filhotes têm o jeito do potty training por 5 semanas, usando esta configuração.
  • Ambos são montagem sem ferramentas e facilmente desmontáveis ​​para armazenamento.

Suprimentos para filhotes de filhotes

Aqui está a lista de verificação dos itens de que você precisará para parir sua ninhada. Discutiremos os usos de cada um deles em profundidade ao longo desta série de artigos.

  • Uma área tranquila, longe de outros cães e atividades familiares
  • Caixa De Filhote
  • Termômetro digital
  • Hemostats
  • Tesoura de aço inoxidável esterilizada
  • Betadine
  • Pó estíptico
  • Muitas toalhas velhas
  • Iogurte ou sorvete de baunilha na geladeira
  • Balança de cozinha pequena que pode pesar até 10 libras

Opcional:

  • Lâmpada de calor
  • Seringas de oxitocina
  • KY Jelly e uma seringa
  • Aspirador de seringa bulbo

Os itens listados como opcionais, como KY Jelly e o bulbo do aspirador, são frequentemente recomendados para o parto. Eu os tenho em mãos, mas nunca encontrei um uso para eles. Discutiremos os benefícios e perigos da oxitocina em profundidade, no Problemas de parto artigo.

Guia passo a passo para construir uma caixa de procriação

Configurando a área de procriação

Escolha um cômodo silencioso que possa ser isolado do resto da família. Normalmente, a mãe será muito protetora com seus filhotes nas primeiras 2-3 semanas. Ela não vai querer que estranhos visitem os filhotes, e geralmente não vai querer que outros animais da casa espreitem seus filhotes. Na verdade, com algumas mães superprotetoras, as visitas de mulheres rivais podem provocar brigas. Melhor prevenir do que remediar, você não quer que a mãe se machuque e não possa cuidar de seus filhotes.

Como mencionei acima, se o cômodo for acarpetado, você pode comprar tapetes de garagem com forro de borracha e baratos na Home Depot para proteger o carpete. Freqüentemente, as mães não colocam seu primeiro filhote na caixa de parto. As mães pela primeira vez podem entrar em pânico e tentar se esconder embaixo dos móveis ou até mesmo começar o trabalho de parto em seu colo.

Depois que ela tiver seu primeiro filhote e você colocá-lo na caixa de parto, ela colocará o resto de seus filhotes na área designada para o parto.

Traga sua garota com você enquanto arruma o quarto dela. Ela ficará curiosa sobre suas atividades e os novos itens, e isso a ajudará a se relacionar com seu espaço especial.

Os primeiros sinais de trabalho: cronometrando o parto

Uma semana antes de sua cadela estar pronta para dar à luz, você deve fazer um raio-x para obter uma contagem precisa dos filhotes que ela está esperando. Isso permitirá que você saiba se houver problemas, caso ela pare o trabalho de parto quando ainda houver filhotes por nascer.

Este é um bom momento para discutir com seu veterinário suas opções caso precise de uma cesariana de emergência após o expediente. Seu veterinário pode estar disposto a vir ou pode sugerir que você vá a uma clínica de emergência. Você precisará pesquisar preços em várias clínicas de emergência em sua área. Na minha área, uma cesariana programada custa cerca de US $ 900,00, enquanto uma cesariana de emergência após o expediente pode chegar a US $ 3.000,00.

Se você está esperando uma ninhada pequena e os filhotes já são bastante grandes, você pode optar por agendar uma cesariana para evitar um parto difícil.

No dia 57, você deve começar a medir a temperatura pela manhã e à noite para obter uma linha de base da temperatura normal em diferentes horários do dia. Sua temperatura deve variar entre 101 e 103 graus. Qualquer coisa acima de 103 graus pode indicar uma infecção e merece uma chamada ao veterinário.

Primeiros sinais de que seu cachorro está entrando em trabalho de parto

  • O primeiro sinal começa de 12 a 24 horas antes do início do trabalho de parto. Conforme o parto se aproxima, sua temperatura deve começar a cair de 101 graus gradualmente para 98 graus Fahrenheit. Com algumas meninas, ele vai cair e subir um dia antes do parto. Alguns nunca experimentam uma queda de temperatura, então fique de olho no comportamento dela. Assim que sua temperatura cair e ficar em torno de 38 graus centígrados, é hora de mantê-la em sua área de parto.
  • 12 a 18 horas antes do parto, a mãe grávida irá parar de comer.
  • O comportamento de aninhamento começa com ela querendo encontrar materiais macios para manter seus filhotes aquecidos e secos. Ela pode puxar o estofamento de uma cadeira ou, se estiver do lado de fora, pode começar a juntar folhas. Uma caixa de parto bem abastecida com toalhas de mão macias, dará a ela uma saída apropriada para seus instintos de nidificação. Espere que ela apalpe as toalhas e as reorganize a cada 20 minutos.
  • A respiração ofegante e a inquietação sinalizam que ela está se preparando para a próxima fase, o trabalho duro. Ela pode ofegar pesadamente e depois respirar normalmente por várias horas antes do próximo estágio do parto. Este ciclo agitado de aceleração e acalmação pode durar até 24-30 horas.

Contagem de filhotes por raio-X uma semana antes da data de vencimento

Segunda fase - trabalho duro

O rompimento de água da mãe

O segundo estágio é marcado pela quebra da bolsa d'água e contrações ativas. Quando a bolsa d'água rompe, dependendo do tamanho do seu cão, você pode esperar cerca de 1 / 2-1 xícara de um líquido de cor clara de chá na caixa de parto. (Em cães com pêlo duplo, este primeiro sinal passa facilmente despercebido, especialmente se houver muitas toalhas na área do parto para absorver o líquido. Verifique as toalhas ocasionalmente para ver se há excesso de umidade). Verifique a hora em que você vê sua bolsa estourar ou começar as primeiras contrações. Se ela não tiver feito o parto após 1,5-2 horas, você deve começar a providenciar uma consulta com seu veterinário.

Sinais de contrações

Você verá os lados do corpo doendo enquanto ela reprime as contrações e depois relaxa. Algumas garotas também grunhem a cada contração, frequentemente elas enrijecem e estendem as patas traseiras. Normalmente, em 30-40 minutos, ela produzirá o primeiro filhote. Filhotes tendem a vir em pares com 20-30 minutos de intervalo. Em seguida, ela descansará por 45 minutos a 1,5 horas, enquanto o próximo par alinha o canal de parto de cada corno do útero. Durante o tempo de descanso, ela limpará seus filhotes e os deixará mamar. A amamentação estimula as contrações para o próximo par de filhotes.

O parto do primeiro cachorro

Durante o parto do filhote, a mãe frequentemente lamberá sua vulva. Normalmente, o filhote chegará com o saco amniótico intacto, seguido pela placenta presa pelo cordão umbilical. O saco é uma fina película semitransparente que cobre o filhote.

Minhas filhas começam consumindo a placenta e o cordão umbilical, depois trabalham no filhote. Freqüentemente, eles já removeram a bolsa quando o filhote estava saindo do canal de parto. Você pode sentar e ver se ela consegue fazer tudo sozinha. Costumo ser muito prático. Prefiro cortar o cordão umbilical sozinho e, se a bolsa estiver intacta, vou querer que o filhote respire o mais rápido possível. Prefiro deixar o cordão umbilical intacto, enquanto desobstruo as vias aéreas dos filhotes e, em seguida, removo o saco. O cordão umbilical continuará a fornecer oxigênio e nutrientes por vários minutos após o nascimento.

Nem todas as mães sabem instintivamente o que fazer ao dar à luz sua primeira ninhada. Luna se escondeu assustada embaixo de uma mesinha de canto depois de dar à luz seu primeiro filhote, cabendo a nós a remoção do saco e do cordão umbilical. À medida que a ninhada continuava chegando, ela pegou e foi capaz de lidar com os últimos dois filhotes sozinha.

Auxiliar no parto - Remoção do saco amniótico e cordão umbilical

Você pode tocar em um filhote de cachorro recém-nascido?

Sim, se você for um dos cuidadores principais da mãe, ela não deverá ter problemas com você tocando seu filhote. Não há medo de uma mãe rejeitar seus filhotes porque eles cheiram ao toque humano. Retirar o filhote da área de parto, no entanto, será motivo de preocupação.

Algumas mães pela primeira vez ficam assustadas com a chegada deles. Como mencionei, pedi que uma saísse da caixa de parto e se escondesse embaixo de uma mesa de canto. Nesse caso, você precisará realizar todas as tarefas da mãe: remover o saco amniótico, pular, iniciar a respiração dos filhotes e cortar o cordão umbilical.

Ela não gostará que estranhos ou outros cães entrem em sua sala de parto, então, para mantê-la calma e evitar brigas, mantenha ela e seus filhotes para si nas primeiras 4 semanas.

Abrindo o Saco Amniótico

Se o filhote deu à luz normalmente e a mãe está mastigando a placenta, mas não começou a cuidar do filhote, comece abrindo o saco amniótico na cabeça e limpando o muco das narinas e da boca do filhote. Algumas pessoas usam o aspirador de bulbo para tentar sugar o muco das vias aéreas. Acho desajeitado e que meu dedo e uma toalha macia funcionam bem para limpá-los. Se o filhote ainda não estiver respirando, use o dedo para limpar suavemente o fundo da garganta.

O filhote ficará boquiaberto ao respirar pela primeira vez. Não entre em pânico porque eles não respiram imediatamente, se o cordão umbilical ainda estiver preso, ele continuará a receber nutrientes e oxigênio por mais um minuto ou mais.

Se o filhote ainda não respirar, esfregue-o gentilmente, mas vigorosamente com uma toalha de mão. Você está tentando simular uma lambida vigorosa da mãe, que normalmente inicia a respiração do filhote. Se o filhote ainda não respirar, você precisará remover o cordão umbilical e iniciar medidas mais agressivas, como atirar suavemente no filhote para limpar os pulmões. Discutiremos isso um pouco mais adiante neste artigo.

Você tem que cortar o cordão umbilical?

Normalmente, as próprias mães roem o cordão umbilical. Às vezes acontece enquanto o filhote está nascendo, antes mesmo de você colocar as mãos nele. Prefiro cortá-lo sozinho para evitar qualquer um dos seguintes problemas do cordão umbilical.

  • Algumas mães são excessivamente agressivas ou mastigam muito perto do estômago do filhote. Mães excessivamente agressivas podem jogar o filhote ao redor da caixa de parto enquanto tentam roer o cordão duro. Isso pode resultar em uma hérnia umbilical, que se apresenta como uma protuberância do tamanho de uma moeda de dez centavos onde o cordão umbilical se liga. Isso pode ser corrigido quando o filhote tiver idade suficiente para uma cirurgia com dois pontos. Freqüentemente, isso é feito no momento da castração ou esterilização.
  • Mastigar muito perto do estômago fará com que o sangue jorra a vários metros do filhote. É muito alarmante quando isso acontece, mas não entre em pânico, pressione uma toalha seca sobre a ferida por 2 minutos para estancar o sangramento. O pó estíptico pode então ser usado para prevenir mais sangramento.

Para cortar o cordão umbilical, pegue as pinças hemostáticas e prenda-as a 3/4 de polegada do estômago do filhote. As pinças hemostáticas simulam a ação dos dentes mastigáveis ​​da mãe e impedem o sangramento do cordão umbilical após o corte. Corte o cordão próximo às pinças hemostáticas no lado oposto do filhote. Você pode aplicar pó adstringente na extremidade cortada, mas não é necessário. Remova as pinças hemostáticas.

Você precisa amarrar o cordão umbilical?

Não, não é necessário. Algumas pessoas recomendam amarrar com fio dental ou linha, mas nunca tive quaisquer consequências negativas por não amarrar. Se fosse necessário amarrar um barbante ao cordão umbilical de um filhote, os cães não teriam sobrevivido como espécie.

O cordão umbilical de 3/4 de polegada restante vai secar rapidamente e cair no dia seguinte.

Seu trabalho à medida que a entrega progride

Você pode secar o filhote com uma toalha, mas a mãe deve certificar-se de que seu filhote está devidamente limpo e seco com lambidas aparentemente intermináveis. Deixe ela fazer seu trabalho.

Quando a mãe estiver satisfeita com o fato de seu filhote estar limpo, você quer ter certeza de que ele mama logo após a chegada. O colostro do primeiro leite materno fornecerá muitos dos anticorpos de que seu filhote precisará para se manter saudável em seu novo ambiente.

Coloque o filhote perto de uma tetina, segurando sua cabeça suavemente entre o polegar e o indicador. Em seguida, pressione suavemente, mas com firmeza, a boca do filhote contra a teta, apoiando a cabeça com a mão. Alguns filhotes começam imediatamente, outros lutam para fugir. Sou um tanto agressivo e, se eles não gostarem, procuro tirar um pouco de leite para incentivá-los a fazer a primeira refeição. A amamentação estimulará as contrações para o parto do próximo filhote.

Este também é um bom momento para dar à mãe um pouco de iogurte ou sorvete. O cálcio nesses laticínios ajudará a estimular a produção de leite.

Como ela entra em trabalho de parto pesado nos partos subsequentes, você deve manter os filhotes aquecidos e secos. Você pode remover os filhotes para um canto da caixa de parto e colocá-los sob uma lâmpada de calor ou apenas cobri-los com uma toalha seca. Uma placenta quebrada pode tornar a caixa de parto um local muito úmido e com aparência de sangue.

As entregas de ninhadas podem ser realizadas em até 90 minutos, normalmente leva de 3 a 6 horas, dependendo do tamanho da ninhada. Uma menina esperou 7 horas entre os partos antes de dar à luz seu último filhote.

Enquanto ela está em trabalho de parto, ela continuará ofegando e respirando pesadamente. Assim que ela tiver concluído o parto, a respiração voltará ao normal.

Seguindo a Entrega da Ninhada

Depois que todos os filhotes nascerem, limpe a caixa de parto e coloque toalhas limpas nela. Você deseja manter o ambiente aquecido, para evitar filhotes refrigerados. Os filhotes não conseguem regular suas temperaturas nessa idade e dependem do calor uns dos outros e de suas mães, bem como da temperatura ambiente. Tento manter a temperatura ambiente entre 82 e 85 graus com um aquecedor. Algumas pessoas usam lâmpadas de calor em uma área da caixa de parto, para que os filhotes possam se aquecer sob a lâmpada conforme sua necessidade.

Como saber se um cachorro está em perigo de falhar

Depois que todos os filhotes tiverem desfrutado de sua primeira refeição, você deve pesar cada filhote e manter um registro de seus pesos. Você deve pesá-los uma vez por dia, pelo menos, para ter certeza de que estão ganhando peso. Um filhote que não ganha peso todos os dias está em apuros. Esta é a melhor maneira de obter uma pista antecipada de um filhote de cachorro angustiado.

Filhotes saudáveis ​​ativam o sono, o que significa que se contraem a cada cinco a quinze segundos. Isso é normal e um bom sinal. Os cachorros que estão quietos e com o queixo recolhido junto ao peito não gozam de boa saúde. Contacte o seu veterinário se tiver alguns cachorros que respiram mais devagar do que os outros ou que não se contraem como os outros.

Oxitocina para limpar o útero

Se você tiver ocitocina (que seu veterinário pode fornecer em seringas pré-carregadas), uma injeção administrada após a chegada do último filhote ajudará a estimular contrações adicionais para limpar o útero de quaisquer placentas retidas. Depois que todos os filhotes tiverem comido, leve-o para um passeio até o penico e expulse todos os líquidos ou placentas restantes. Se sua filha tiver calças fofas, você pode lavá-las e secá-la com uma toalha antes de devolvê-la à caixa de parto.

Caminhe com ela novamente 3 horas depois, pois a abundância de placentas pode causar problemas estomacais. Você pode esperar alta nas próximas 2-3 semanas. Isto é normal. No entanto, se vier acompanhado de um odor desagradável, é hora de ir ao veterinário, pois isso indica uma infecção. Consulte um veterinário o mais rápido possível para controlá-lo rapidamente. Uma mãe doente significa muito trabalho para você.

Agora você pode sentar e ver seus filhotes crescerem! Certifique-se de que a mãe tenha bastante água limpa e fresca, pois é essencial para o suprimento de leite. Ela fará a maior parte do trabalho nas próximas 3 semanas, você só precisará trocar a roupa de cama e cuidar dos filhotes para socializá-los.

Problemas com a procriação dos filhotes

Existem dois problemas comuns ao gerar uma ninhada de filhotes: os filhotes às vezes ficam presos no canal do parto ou se recusam a respirar. Abordaremos cada uma dessas questões.

Cachorro Preso no Canal de Nascimento

Às vezes, um cachorro fica preso; a mãe pode estar se esforçando muito com as contrações, mas nenhum filhote se apresenta ou o filhote pode estar pendurado para fora da vulva, mas é grande e preso. O primeiro recurso é fazer a mãe se levantar e andar. Isso permite que um filhote preso internamente se reajuste e represente a si mesmo. Eu vi um filhote que estava preso no meio do caminho ser puxado de volta para o canal de parto e, em seguida, dar à luz normalmente 2 minutos depois.

Para um filhote preso na metade do corpo, você pode tentar ajudar puxando-o suavemente em um arco para baixo a partir da vulva. A geleia KY também pode ser usada para ajudar a interromper qualquer sucção que está segurando o filhote no lugar. Certifique-se de que suas mãos estejam estéreis primeiro (com Betadine), espalhe uma quantidade generosa de geleia KY ao redor do filhote e deslize suavemente um pouco entre a parede do canal de parto e o filhote. Não quebre o saco amniótico antes do parto.

Entrega paralisada

A oxitocina pode ser usada para ajudar a estimular as contrações em caso de fadiga uterina. No entanto, a oxitocina apresenta riscos consideráveis. Pode causar o desprendimento prematuro da placenta, matando os filhotes que ainda não se alinharam no canal de parto. Deve ser usado com moderação e somente depois que os dois primeiros filhotes nascerem.

Se duas horas se passaram desde que o último filhote nasceu e ele está coando há 40 minutos, entre em contato com o veterinário; uma cesariana pode estar em ordem.

O filhote não respira após esfregar vigorosamente e limpar as vias respiratórias

Às vezes, o filhote demora a respirar, especialmente se tiver dificuldade no canal de parto. Se, após um minuto de fricção, não houver arfado, você precisará dar uma funda delicada no filhote para tentar tirar o muco dos pulmões. Certifique-se de cortar o cordão umbilical antes de fazer isso.

Embale o filhote com as duas mãos, apoiando a cabeça e as costas em suas mãos, a cabeça apontada para as pontas dos dedos. Curve-se e segure o filhote a cerca de 60 cm acima dos joelhos e então incline-se para os joelhos, tomando cuidado para não perdê-lo ou deixá-lo cair. Você também pode colocar a boca sobre o nariz dele e soprar suavemente o ar para abrir os pulmões. Assim que ele começar a respirar, continue a esfregá-lo suavemente, mas com firmeza, até que a respiração se torne regular.

Sinais de que você perdeu um filhote de cachorro

Infelizmente, não é incomum que um ou mais filhotes não sobrevivam ao processo de parto. Cães e gatos têm ninhadas por esse motivo. Se você está lutando para ressuscitar um filhote por mais de 5 minutos e ele não começou a respirar normalmente, provavelmente não conseguirá. Filhotes que nascem com pescoços flácidos e tônus ​​muscular extremamente baixo provavelmente não serão ressuscitados. Filhotes saudáveis ​​são firmes ao nascer, filhotes que não vão conseguir se sentirem frouxos e moles em suas mãos. Eles podem suspirar uma ou duas vezes, mas se você passou cinco minutos trabalhando no filhote sem respiração regular, é hora de deixá-lo ir.

Filhotes não saudáveis ​​têm sistema imunológico comprometido, o que pode trazer perigo de infecção para toda a ninhada.

Perguntas e Respostas

Pergunta: Como evitar que a mãe coloque seus filhotes?

Responda: Algumas mães tendem a ser menos conscientes de seus filhotes e são conhecidas por mentir e, em alguns casos, matá-los. Na maioria das vezes, esse é um perigo quando o filhote é pego entre a mãe e as laterais da caixa de parto. Filhotes pegos diretamente sob a mãe tendem a fazer com que ela se mexa e solte o filhote.

Embora a piscina usada como caixa de parto não tenha mecanismo para evitar que as mães deitem sobre seus filhotes ou os sufoquem contra os lados, as caixas de parto pré-fabricadas têm grades de proteção, às vezes chamadas de grades de porco, que mantêm a mãe a sete centímetros de distância do lados da caixa. Esses trilhos permitem que os filhotes tenham um espaço seguro de distância de sua mãe nos quatro lados. Portanto, embora essas caixas manufaturadas pareçam caras, são relativamente baratas, desde que salvem a vida de até mesmo um filhote.

Outra preocupação na caixa de parto são os filhotes que ficam presos nos lençóis ou toalhas do ninho, que visam ajudar a manter a higiene da área. Os filhotes podem ficar enrolados em lençóis compridos ou toalhas pesadas, impedindo-os de comer quando necessário (a cada duas horas) e, possivelmente, permitindo que eles resfriem, já que não conseguem obter calor da mãe ou dos irmãos de ninhada. Um filhote resfriado provavelmente não sobreviverá por muito tempo sem intervenção.

Muitos criadores usam "papel de jornal" não impresso para forrar a caixa de parto, ou esteiras de parto que não são facilmente levantadas do fundo, para evitar que os filhotes entrem em túneis sob a esteira.

Robin em 27 de março de 2020:

Acabei de descobrir que meu labrador está tendo filhotes, então estou lendo tudo para saber.

A.madhavi em 21 de maio de 2019:

Eu quero uma cachorrinha.

Ladi em 30 de outubro de 2018:

Apenas muda a caixa de ajuda para um recipiente de plástico de ajuda que a mãe pode tirar, mas não os filhotes

.Bernie em 17 de agosto de 2018:

Muito bem escrito, para quem nunca teve uma ninhada, você com certeza abordou esse assunto tão bem

solaras em 17 de outubro de 2017:

Fico feliz em poder ajudar a Lídia. Informe-nos se tiver outras perguntas.

Lidia Smith em 17 de outubro de 2017:

Muito obrigado por toda a importância que colocou neste artigo, foi muito apreciado por todos os membros da minha família (agora cinco rapazes, obrigado, por sua ajuda), precisamos de mais pessoas como você para nos ajudar a cuidar de nossos entes queridos. Sinceramente,

Lidia Smith.

Lisa em 04 de novembro de 2016:

Que excelente ajuda para os proprietários que podem ter uma menina grávida, muito obrigado por todas as explicações de antes durante e depois :)

Barbara Fitzgerald (autora) da Geórgia em 24 de outubro de 2016:

Obrigado por visitar e ler Ian. Desculpe se o parto do filhote não foi uma boa visão para o jantar! Volte depois de algum tempo entre as refeições!

Ian em 24 de outubro de 2016:

que página muito detalhada e descritiva para cães reprodutores e reprodutores ... estou impressionado com o nível de detalhes que você deu - embora eu tenha começado a assistir a 1 dos vídeos logo depois de comer :(

Excelente ponto de partida para quem deseja criar cães lá

pêssego do Home Sweet Home em 29 de abril de 2015:

hub muito bom para donos de animais com cadela. Filhotes não são fáceis de acalmar. Suas dicas ajudam.

Barbara Fitzgerald (autora) da Geórgia em 13 de outubro de 2014:

Olá, Escritor Fox: Obrigado pela visita! Não sei se conseguiria lidar com o estresse de ser uma parteira de cachorrinhos. É exaustivo ficar sentado com eles a noite toda. A minha sempre quer começar a ter bebês às 4-5 da manhã.

Olá, Colorfulone - Mande sua filha para baixo na próxima vez que tivermos uma ninhada! Eu poderia usar uma mão enquanto estou cochilando. lol

Susie Lehto de Minnesota em 13 de outubro de 2014:

Este é um artigo muito bom. Minha filha adoraria ler isso, pois ela ama seus animais de estimação e ajuda as mães a entregarem seus bebês.

Impressionante!

Escritor Fox do wadi perto do pequeno rio em 21 de setembro de 2014:

Que artigo completo é este! Anos atrás eu tive um cachorro que deu à luz 10 filhotes! Eu não sabia metade das coisas que você descreve aqui, mas, felizmente, todos os filhotes sobreviveram e prosperaram.

Se existisse uma parteira para cães, seria muito procurada. Gostei e votou e foi incrível.


A melhor área de parto para filhotes

Como ajudar um filhote a se sentir seguro

Sua cadela mãe precisará de um lugar tranquilo e privado para dar à luz seus filhotes. Escolha um canto em uma sala longe da atividade da casa para o parto e prepare a área uma semana antes da data do parto. Caso contrário, ela própria escolherá um e você poderá encontrá-la tendo filhotes entre os sapatos em seu armário. Muitas cadelas querem estar perto de seus donos pouco antes do parto. Alguns gostam da segurança de estar com você quando eles criam. Escolha um lugar que seja conveniente para você passar um tempo com sua mãe e sua ninhada.


Estágios do desenvolvimento do filhote

Nascimento até 3 semanas

Nos primeiros 20 dias de vida de um filhote não é capaz de muito aprendizado. A capacidade mental é quase nula. O filhote reagirá quando estiver precisando de comida, sono, calor e de sua mãe. Durante as primeiras 3 semanas é MUITO importante cuidar da barragem também. Ela, por sua vez, cuidará dos filhotes. Uma ou duas vezes ao dia, os filhotes devem ser manipulados por um ser humano e pesados ​​diariamente. Durante as primeiras 3 semanas, a maioria das barragens prefere ficar em uma área isolada e aconchegante, e não na área de convivência da família. Os filhotes permanecem contentes em sua caixa de parto pelos primeiros 20 dias de vida.

3 a 4 semanas

No dia 21 é quase como se houvesse uma nova ninhada de cachorros. Não importa a raça, este é o momento em que os sentidos adormecidos despertam. Do 21º ao 28º dia, os filhotes precisam da mãe mais do que em qualquer outro momento, pois seus cérebros e sistemas nervosos começam a se desenvolver e eles se tornam conscientes de seu ambiente. Quando a mãe pula da caixa, eles de repente a observam se perguntando para onde ela foi. Os filhotes podem começar a sair da caixa de parto nessa idade, então é hora de expandir sua casa. Nesta fase, adicionamos uma pequena área de penico ao lado da caixa de whelp. Se um filhote perdesse sua mãe nesta fase, isso afetaria muito seu bem-estar emocional. O crescimento emocional está florescendo quando o filhote percebe que está vivo. É também nessa idade que podem se desenvolver características como timidez e medo. Quaisquer características negativas que se desenvolvam nesta fase da vida são frequentemente traços de personalidade permanentes.

4 a 7 semanas

Do dia 29 ao 49 os filhotes se aventurarão longe da área de dormir da caixa de filhotes. Eles não irão longe, mas começarão a explorar. Neste momento, expandimos sua área para adicionar uma área de recreação e alimentação durante o dia. Este é o momento de transferi-los para a área da cozinha e da sala da família, onde a vida está acontecendo em casa. Esta não é a idade para ficar no quarto dos fundos, na garagem ou no celeiro. Durante este tempo, um filhote aprenderá a responder a vozes, sons e reconhecer pessoas diferentes. Os filhotes em seu grupo estabelecerão uma 'ordem de hierarquia', alguns desejarão liderar e outros seguirão. Os dominantes comerão primeiro e os ômega esperarão. Os dominantes podem se tornar valentões e monopolizar todos os brinquedos. Esta é uma etapa importante a ser observada para aprender os temperamentos de cada filhote e deve ser usada para colocar os filhotes em lares adequados. Alguns estudos científicos provam que, se houver um valentão em uma ninhada que esteja fazendo os outros se encolherem e ficarem tímidos, isso pode criar características que são muito difíceis de superar, mas também é importante deixar filhotes em um grupo social por tempo suficiente para ser aventureiro e para o cachorro adquirir algumas habilidades de competição social. Na mesma nota, um filhote nunca deve ser muito agressivo. Enquanto os filhotes mais tímidos precisam aprender a se comportar em grupos sociais, um filhote dominante precisa aprender que não é aceitável ser um valentão. Diferentes raças precisam ser separadas em diferentes idades. Freqüentemente, se o agressor for adotado primeiro, os filhotes restantes perderão um pouco de sua timidez.

Às 7 semanas, um filhote é considerado emocionalmente desenvolvido e pronto para aprender, mas o filhote ainda não possui um cérebro adulto. Com 7 semanas de idade, o criador dos filhotes pode começar o treinamento da caixa por uma ou duas horas por dia com 2 filhotes em uma caixa. Isso ajuda com a ansiedade de separação. Por volta das 8 semanas de idade, o filhote deve ser capaz de ir sozinho para uma gaiola para tirar uma soneca, e está quase pronto para seu novo lar.

Um filhote nunca deve ser tirado de sua mãe antes de 7-8 semanas de idade. A cadela ensina aos filhotes modos de ninhada, respeito, habilidades sociais e etiqueta adequada, junto com muitas outras lições valiosas. Quando um filhote perde esse estágio, ele pode ter problemas futuros de comportamento, pois a maioria dos humanos não entende o comportamento natural do cão o suficiente para ensinar essas coisas ao filhote.

7 a 12 semanas

A partir do dia 50, o filhote está operando a uma capacidade que o torna pronto para a vida longe de seus irmãos de ninhada. O que um filhote aprende agora será retido e se tornará parte de quem o cão se torna e de sua personalidade. A maioria das mães para de cuidar de seus filhotes por volta de 7 semanas, pois eles têm dentes e ela os afasta. If a pup is left with the dam during this period it's emotional development can be altered, as it remains dependent on her. The same can happen if littermates are placed together. They rely on each other instead of the new owner and they often do not find adequate security in their mom or littermate. They need their new owner to take over the role and it is important that the humans understand natural dog behavior in order to fulfill the puppies instincts and needs. First shots should be done at 7.5 to 8 weeks of age.

When a puppy stays with his litter after 8 to 9 weeks of age without adequate human contact it doesn't adjust as well to a human social life. The optimum time to take a new puppy is from 8 to 9 weeks of age. It is always best to have a pup do his learning from his new owner and in his new home. Puppies are often adopted out at 8, 9, 10 or 11 weeks. Older puppies can do just fine if the breeder has spent a lot of time socializing them away from their littermates. Ideally 9 weeks seems to be the perfect age for most breeds to go to new homes. What the dog learns from 8 to 12 weeks will be with him forever. At this time the puppy must be introduced to other people and go for walks on the pavement (street) avoiding dirt or grass until it has had its 2nd shots. If the first shots are done at 8 weeks and second are done at 12 weeks it is a good idea to enroll in puppy kindergarten that starts right at 12 weeks.

12 to 16 weeks

A puppy at this age is comfortable in his new home and instinctually feels the need to form a pack. It is important to keep in mind that all puppies by this time have formed a general personality. Some are natural born leaders, some are middle of the road and could go either way and some are very submissive and really prefer not to lead anything. All puppies have an instinct to have a leader who can provide structure, because in their minds without it the pack cannot survive. Therefore even the most naturally born submissive dog may feel the need to take over as an alpha should they feel everyone else around them is too weak to care for the pack. These dogs are often very stressed out about their role because they really do not want it, but feel the need to lead just the same. After all, to them it's a matter of life or death.

One of the biggest questions new owners call about is that the pup is an angel for the first couple weeks and then it starts to nip in an attempt to control things around it. This happens when a puppy does not see the humans as natural born leaders to which it can respect and it attempts to get the pack in order. If this happens it does not necessarily mean you got a bad puppy, but often means you are not being a good canine owner. Owners must be calm but firm and follow through. Set the rules of the home and stick to them. Teach basic obedience and how to heel on a leash. Do not let the puppy bolt out the door. Stay calm and confident and remember that dogs can feel your emotions. If you have emotional problems your dog knows and will see you as a weak being. Always remember to a dog anger is a weakness, so take a deep breath and control yourself.

Should the puppy feel it is stronger minded than the humans it will not want to be at the bottom. Puppy owners should be prepared that the pup may attempt to establish itself as the dominant one in the family. This is where you need to understand a dog's natural instincts and learn their language so you can read them. It may see whether it can physically strike out at his owner (like some teens) and could nip or growl. Should this happen be prepared to stop the behavior immediately. It is kind of like kids wanting dessert before dinner or to stay up later. You just have to say NO. Each dog is different, just as kids are, therefore you need to figure out what works for you and your situation. If it is being aggressive one method is to pin it on its back and hold him there with a firm NO. If a pup is allowed to get away with bad behavior it will lose respect for the owner and learn that rebelling gets him his own way. The key is for the humans to be calm, confident and firm all at the same time. If you find yourself yelling or angry you as the human are out of control and need to learn how to portray yourself as someone your dog can look up to and respect. Dogs do not listen to unstable humans and anything but calm, confident and firm, to them is unstable. There should be zero tolerance for aggressiveness. Heaps of love and understanding will not stop bad behavior. A pup must be shown fast and firmly that you are the one in charge.

If it persists call the breeder and/or a dog behaviorist who understands natural dog behavior for help. If you have a good breeder who understands the dog even returning him for a few days can help as the breeder gets the dog back under control and you assess your own behavior and understanding of this animal you are trying to live with. Sending a dog away to be trained without training yourself never works, as the way your dog is acting often has more to do with the humans it is living with. You can send your dog away to be trained, but if the dog returns to a human who still does not understand its needs, acts like a weak follower and/or is an emotional train wreck inside the dog will return to it's old ways. This goes for any dog of any age.

Learn how to groom your dog. Teach it to lie still for grooming and nail trimming. If you are having trouble call the breeder or a behaviorist for help. It is best to have earned a dog's respect and trust in regards to grooming by 16 weeks of age.

A pups natural instinct will be to periodically try to test the order in the pack. Especially if there are children. If the owner is submissive, quiet and week, thus making the dog feel the need to lead the home, its respect for its owner will weaken and the owner will become inferior in the dogs eyes. In these cases the owner is destined to be owned by the dog and you will surely see behavior problems emerge.

A puppy should have a good start on crate training when it leaves a breeder's home. Help your puppy feel secure by giving it its own bed and crate in a place where it can be alone when it needs some quiet time. It should be crated for one or two naps per day, especially when making and eating dinner and crated at night. It should not ever have the run of the house till after 6 months of age or housebreaking and training can become very difficult. A puppy should start formal obedience by 6 months of age, preferably sooner.

Remember when you choose to adopt a dog you are choosing to take an animal into your home. The animal is not a human baby and humans are not born with canine instincts. Take some time to learn about the canine and be prepared to change your way of life to accommodate the new member of the family.

Courtesy of MistyTrails Havanese

  • You Want to Breed Your Dog
  • Pros and Cons of Inbreeding Dogs
  • Stages of Puppy Development
  • Whelping and Raising Puppies: Breeding age
  • Reproduction: (The Heat Cycle): Signs of Heat
  • Breeding Tie
  • Dog Pregnancy Calendar
  • Pregnancy Guide Prenatal Care
  • Pregnant Dogs
  • Pregnant Dog X-Ray Pictures
  • Full-Term Mucus Plug in Dog
  • Whelping Puppies
  • Whelping Puppy Kit
  • First and Second Stage of Dog's Labor
  • Third Stage of Dog's Labor
  • Sometimes Things do not go as Planned
  • Mother Dog Almost Dies on Day 6
  • Whelping Puppies Unfortunate Troubles
  • Even Good Moms Make Mistakes
  • Whelping Puppies: A Green Mess
  • Water (Walrus) Puppies
  • C-Sections In Dogs
  • C-Section Due to Large Dead Puppy
  • Emergency Cesarean Section Saves Pups Lives
  • Why dead puppies in utero often require c-sections
  • Whelping Puppies: C-section Pictures
  • Pregnant Dog Day 62
  • PostPartum Dog
  • Whelping and Raising Puppies: Birth to 3 weeks
  • Raising Puppies: Puppy Nipple Guarding
  • Pups 3 Weeks: Time to start potty training
  • Raising Puppies: Pups Week 4
  • Raising Puppies: Pups Week 5
  • Raising Puppies: Pups Week 6
  • Raising Puppies: Pups 6 to 7.5 Weeks
  • Raising Puppies: Pups 8 Weeks
  • Raising Puppies: Pups 8 to 12 Weeks
  • Whelping and Raising Large Breed Dogs
  • Mastitis in Dogs
  • Mastitis In Dogs: A Toy Breed Case
  • Why are Toy Breeds Harder to Train?
  • Crate Training
  • Showing, Genetics and Breeding
  • Trying to Save a Fading Dachshund Puppy
  • Whelping and Raising Puppies Stories: Three Puppies Born
  • Whelping and Raising Puppies: All puppies do not always survive
  • Whelping and Raising Puppies: A Midwoof Call
  • Whelping and Raising a Full Term Preemie Puppy
  • Whelping Small for Gestational Age Puppy
  • C-Section on Dog Due to Uterine Inertia
  • Eclampsia is Often Fatal for Dogs
  • Hypocalcemia (low calcium) in Dogs
  • SubQ hydrating a Puppy
  • Whelping and Raising a Singleton Pup
  • Premature Litter of Puppies
  • A Premature Puppy
  • Another Premature Puppy
  • Pregnant Dog Absorbing Fetus
  • Two Pups Born, Third Fetus Absorbed
  • CPR Needed to Save One Puppy
  • Whelping Puppies Congenital Defects
  • Puppy with Umbilical Cord Attached to Foot
  • Puppy Born with Intestines on the Outside
  • Litter Born with Intestines on Outside of Bodies
  • Puppy Born with Stomach and Chest Cavity on the Outside of the Body
  • Gone Wrong, Vet Makes it Worse
  • Dog Loses Litter and Starts to Absorb Puppies
  • Whelping Puppies: Unexpected Early Delivery
  • Dog whelps 5 days early due to dead pups
  • Lost 1 Puppy, Saved 3
  • An Abscess on a Puppy
  • Dewclaw Removal Done Wrong
  • Whelping and Raising Pups: Heat Pad Caution
  • Whelping and Raising a Large Litter of Dogs
  • Whelping and Raising Dogs While Working
  • Whelping a Messy Litter of Pups
  • Whelping and Raising Puppies Picture Pages
  • How to Find a Good Breeder
  • Pros and Cons of Inbreeding
  • Hernias in Dogs
  • Cleft Palate Puppies
  • Saving Baby E, a Cleft Palate Puppy
  • Saving a Puppy: Tube Feeding: Cleft Palate
  • Ambiguous Genitalia in Dogs

Although this section is based on a whelping of an English Mastiff, it also contains good general whelping information on large-breed dogs. You can find more whelping information in the links above. The links below tell the story of Sassy, an English Mastiff. Sassy has a wonderful temperament. She loves humans and adores children. An all-around mild mannered, wonderful Mastiff, Sassy, however, is not the best mother toward her puppies. She is not rejecting them she will nurse them when a human places them on her to feed, however she will not clean the pups or pay any attention to them. It is as if they are not her puppies. This litter is getting mom’s milk with major human interaction, manually giving each and every pup what they need. In return, the pups will be super socialized and will make remarkable pets, however the work involved is astounding. It takes one dedicated breeder to keep this situation healthy. Thankfully this litter has just that. Read the links below to get the full story. The pages within include a wealth of information that everyone can appreciate and benefit from.


Financial Considerations

Many people go into breeding thinking that it’s a great way to make some easy money. Nothing could be further from the truth. Done correctly, breeding is rarely a money-making venture. If there are any problems at all, breeding generally becomes a financial disaster. So, you have to be prepared for possible expenses that may or may not occur. Keeping a credit card cleared off in case it’s needed can be a good way to handle this type of problem.

Most breeders get a deposit of some sort from potential buyers at some point during the process. Some breeders require a deposit before putting buyers on their list. Some don’t accept deposits until the puppies are born and they are sure they have a puppy for the buyer.

Whatever you decide to do, please be sure to carefully explain under what circumstances you will or won’t return the deposit so as to avoid unpleasantness in the future.

Whatever your deposit arrangements, you should require payment-in-full before turning your puppies over to the new owners. The price of the puppies depends on your breed and the market in your area. Ask around among other breeders, consider your expenses, and set a fair price for your puppies.

If you have a large litter with no problems, you can expect to pay your expenses and, perhaps, make a little extra money. If you have any problems at all, including a small litter, you will probably loose money on breeding a litter. Done correctly, breeding puppies is no way to make your fortune.

Leave a Comment Cancel reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.


How to Help Your Dog Whelp or Deliver Puppies

Last Updated: July 17, 2020 References Approved

This article was co-authored by Pippa Elliott, MRCVS. Dr. Elliott, BVMS, MRCVS is a veterinarian with over 30 years of experience in veterinary surgery and companion animal practice. She graduated from the University of Glasgow in 1987 with a degree in veterinary medicine and surgery. She has worked at the same animal clinic in her hometown for over 20 years.

wikiHow marks an article as reader-approved once it receives enough positive feedback. This article received 27 testimonials and 89% of readers who voted found it helpful, earning it our reader-approved status.

This article has been viewed 1,154,715 times.

When labor begins, a dog's instincts will almost always take over -- you shouldn't have to intervene at all. Nonetheless, if your dog is pregnant, you should know what to expect during labor and how to help if necessary. Certain pure breeds can have more problems during the birth process. If you have a bulldog or a pug, for example, it’s crucial to prepare. For all breeds, be sure to talk to your veterinarian and bring your pregnant dog in for a check-up.


Assista o vídeo: Sisga - Sistema Gerenciador de Aves - Cadastro e impressão de crachá e árvore genealógica.